A insustentável leveza do ser

Por Naomi Baranek

Ontem assisti ao filme de um livro que tinha lido há um tempo. Chama-se A insustentável leveza do ser, do Milan Kundera. A história se passa em Praga e em Zurique no ano de 1968 e atravessa vários anos, narrando “os amores e desamores” das quatro personagens, Tomas, Tereza, Sabina e Franz, e o clima tenso que pairava na Tchecoslováquia naquela época, durante a Guerra Fria. Lembro de ter gostado do livro, mas não lembrava muito de seu conteúdo, até que o filme trouxe uma fala que me tocou muito, um tema sobre o qual tenho refletido bastante. Quando fui procurar a passagem correspondente no livro, vi que a tinha marcado. Gostaria, então, de compartilhá-la com vocês.

 

“Não existe meio de verificar qual é a decisão acertada, pois não existe termo de comparação. Tudo é vivido pela primeira vez e sem preparação. Como se um ator entrasse em cena sem nunca ter ensaiado. Mas o que pode valer a vida, se o primeiro ensaio da vida já é a própria vida? É isso que leva a vida a parecer sempre um esboço. No entanto, mesmo esboço não é a palavra certa, pois um esboço é sempre projeto de alguma coisa, a preparação de um quadro, ao passo que o esboço que é a nossa vida não é esboço de nada, é um esboço sem quadro.

 

Tomas repete para si mesmo o provérbio alemão: einmal ist keinmal, uma vez não conta, uma vez é nunca. Poder viver apenas uma vida é como não viver nunca.”

Fotografia do filme, com as personágens Tereza (Juliette Binoche) e Tomas (Daniel Day Lewis)
Fotografia do filme, com as personagens Tereza (Juliette Binoche) e Tomas (Daniel Day Lewis)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s