Extreme makeover do Maracanã: como assassinar um estádio

Em breve será inaugurado o “novo” Maracanã. Confesso achar impossível que qualquer ser pensante diga que ali ainda há o Maracanã. O que fizeram foi um novo estádio, com arquitetura, cores, ângulo da arquibancada, cobertura, enfim, praticamente tudo diferente. 

Isso faz pensar algumas coisas:

 

Tá chovendo dinheiro! – Mudaram praticamente tudo no Maraca, num Extreme Makeover que custou mais de 1 bilhão – muito além do orçamento inicial! Se a intenção era alterar as bases do estádio, porque não derrubaram e construíram um novo? Segundo especialistas, esta estratégia seria muito mais barata e fácil do que fazer remendos na antiga estrutura. A pergunta que fica é: a quem interessou gastar tanto?  

Image

E o patrimônio, ó! – Houve uma total falta de respeito com o patrimônio histórico do Maraca. Acabaram com o desenho e as formas que fizeram por mais de 60 anos a alegria de cariocas e brasileiros. Não se preocuparam em deixar algo nem semelhante àquilo que amávamos.

 

Que p… de arquitetura é aquela?? – Será que algum desses projetistas já jogou futebol na vida ou foi ver a pelada da esquina? Acho que eles não sabem nem o que é uma bola de futebol! Só de olhar aquela arquibancada “mais angulada”, como disse um comentarista da Globo, qualquer um já entende que não será aquela pressão de antes. E a cobertura nova? Toda vazada, iluminada, parece que veio do Country Clube. Não tem nenhuma relação som a cobertura antiga de concreto que permitia um incrível eco e fazia as equipes adversárias balançarem.

Image

O véu da noivaPor fim, num arroubo viralatesco, trocaram as redes antigas dos gols, conhecidas como “véu de noiva”, e colocaram umas iguais às do exterior – sem que isso tenha sido exigido pela FIFA. A bola que deslizava carinhosamente até o fundo do gol e lá ficava mansa agora vai bater e voltar. O som antes praiano, semelhante a uma onda flutuando no mar, virará um “tum” sem graça, uma batida de martelo.

 Image

Manuel, o Maracanã subiu no telhado! Assassinaram o templo de muitos cariocas. Derrubaram sem derrubar um patrimônio do mundo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s