Dica de leitura: “Outro dia de folia” – Eduardo Lacerda

 

Estreando na Literatura, Eduardo Lacerda, com humor refinado, faz uma ode à melancolia. Sentindo e observando, centra sua câmera no fim da festa, porém não necessariamente no tom de término, mas nos momentos de pós-clímax que a vida não cansa de nos dar.

Outro dia capa

Editado pela novíssima Patuá (clique aqui), Outro dia de folia representa um projeto explícito desde o título até o último verso. Batendo palmas e tambor. Porque, dialogando com o nome da editora, o livro que temos em mão se divide em duas partes: Festins e Despachos. Assim, a tal unidade tão desejada em livros de novos poetas aqui se apresenta.

Nesta poesia de quem diz xis com o chopp na mão. E, em vez de dar de ombros ao leitor pouco afeito, abraça-o, puxa para perto e ri nos ouvidos como quem obriga rendição. E o leitor aceita o tom melancólico no fundo do copo, se espelhando, se enxergando dobrado – na infância e no agora – e penetra a foto com o bolo já partido. Tipo um cão em fim de festa, quer mais. Quer estar de parabéns de novo, quer ser grande.

Mal sabe ele que todo poeta vive em fase de crescimento.

Um gostinho do livro, nossa dia de leitura para o fim das férias:

.

.

CANDELABRO

 

Já a primeira vez que foi a um
cemitério, a mãe cobriu seus
olhos que choravam e sussurrou:

– Nunca acenda velas em casa,
que os espíritos acostumam
 e não raro nos acompanham –

Nunca mais acendeu
velas em casa, tinha era
medo dos espíritos.

Teceu-lhe a vida muitos passados,
outras passagens ao cemitério. (Das
últimas vezes já as trazia roubadas.)

Nunca quis acender velas em casa,
tinha era medo dos espíritos. Teve
depois, muitos, muitos anos depois

medo da solidão. E acenderia estes
presentes: a gift to the ghosts, pois
os espíritos acostumam e, não raro,

nos acompanham.

.

.

outro dia

.

.

REFLEXOS

 

Eu e
meus amigos,

tão sozinhos
que derramaremos,
(aos litros)

álcool

aos

santos

e

espíritos.

Tão sozinhos que nos indagaremos:

Eles também nos verão em dobro?

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s