Era uma vez um pré comunitário…

Image

Era uma vez um belo vale chamado Gáviscon. Nele funciona uma escola feliz, a Escola Bosque, que sedia um pré-vestibular comunitário para alunos carentes: o PECEB (Projeto de Educação Comunitária da Escola Bosque). Os dedicados cavaleiros do PECEB lutam contra quatro forças do mal:

 

O professor Ltda. – Professores que acreditam que sua responsabilidade é limitada, já que não são pagos. Eles acham que quando não podem dar aulas devido a “responsabilidades maiores” estão certos em jogar essa notícia (sem apresentar solução) em seus coordenadores, como se não tivesse problema deixar uma turma de 30 pessoas sem aula. Há inclusive alguns professores que largam o curso no meio como se fosse uma simples decisão pessoal. E por alguma razão o sentimento é de que não se está fazendo nada de absurdo.

 

O coordenador Gasparzinho – Ser coordenador de matéria, ter um cargo, ter algum poder, ter uma equipe. Tudo lindo. Já na hora de assumir os pepinos da equipe, aparecer nas reuniões, substituir professor… ai é outra história. Ai a graça é tomar uma pílula de invisibilidade, trocar uma ideia com o fantasminha camarada, e o resto do pré que se resolva.

 

O aluno suquinho de limão – Ele acha que entrar em um pré-vestibular comunitário é se colocar automaticamente na trilha do glamour. Ignora que sem um esforço enorme e diário vai parar na próxima esquina. Acredita que, como em uma corredeira, sentará numa daquelas boias de pneu de caminhão e será levado à faculdade e de lá a uma carreira de sucesso. Tudo isso tomando um suquinho de limão.

 

A escola que apoia pero no mucho Yes, nós temos alunos conscientes! A Escola Bosque diz a deus e mundo que seus queridos filhos tem um pré-vestibular, que pensam no mundo e que tem respaldo da instituição. Poréeeeeeem, na hora do apoio vir é aquela dificuldade. Ter um pedido atendido pela escola é um drama maior do que o capítulo final da novela das 21h.

Será que os cavalheiros do PECEB vencerão as forças do mal? Ou será que encherão o saco de tudo e dedicarão seus nobres tempos a encher os bolsos de dinheiro?

Em breve, os próximos capítulos!  

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s