Por que fazer hoje se eu posso deixar para amanhã?

E assim, com esse pensamento, o tempo vai passando e vamos adiando… adiando nossas tarefas do dia a dia, adiando aquela conversa importante, adiando aquela mudança de trabalho, adiando nossos sonhos…

Mas aí o ano vai chegando ao fim, um novo ano se aproxima e com ele vem a ilusão de que, ao virar o ano, tudo vai mudar. “Ano novo, vida nova!”.

Por falar nisso, você realizou as promessas que fez para 2011?

Uma pesquisa realizada pelo psicólogo britânico Richard Wiseman, analisou 3 mil pessoas que tentavam cumprir com várias resoluções de ano novo. No início da pesquisa, 52% dos participantes afirmaram que estavam confiantes de que conseguiriam cumprir com as metas. No entanto, no final do estudo e depois de um ano de tentativas, apenas 12% conseguiu manter as promessas e alcançar os objetivos que haviam definido. (Você pode fazer aqui um teste criado pelo autor da pesquisa para saber se as suas resoluções de ano novo terão sucesso – pena que o teste está em inglês)

Para evitar essa sensação de fracasso por não ter cumprido as promessas, reunimos algumas dicas:

– Não adianta prometer um monte de coisas… afinal você só tem 1 ano (ou 12 meses, ou 54 semanas) para realizar. Foque em uma meta. As chances de sucesso são maiores quando você concentra suas energias em mudar um aspecto. Você pode também desmembrar os seus objetivos em pequenas metas, assim também fica mais fácil de alcançar;

– Não espere até a noite do ano novo, comece a refletir antes sobre o que você quer mudar;

– Evite repetir resoluções passadas, busque um objetivo novo, pois voltar a resoluções antigas pode ser frustrante;

– Nada como um bom planejamento e para isso precisamos definir bem objetivos, por isso, seja específico. Pense naquilo que você quer e exatamente o que deve fazer para tornar real. Planos vagos tendem ao fracasso.

E para finalizar, mais uma tirinha (muito sábia) da Mafalda:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s